Retina Desgastada
Idéias, opiniões e murmúrios sobre os jogos eletrônicos
Comunidade do SteamTwitterRSS

8 de agosto de 2015

Jogando: Portal Stories: Mel

Portal Stories - Mel 09

Mel não é canônica. Mas em uma realidade paralela que existe dentro da minha cabeça, sim, ela é canônica, ela também passou pelos pesadelos da Aperture Science e está no mesmo patamar de Chell, a protagonista oficial da série Portal. Sentirei falta dela e de seu companheiro, assim como da "nova" Portal Gun e do excelente trabalho realizado pelos modders do Prism Studio.

Portal Stories - Mel 08

Portal Stories - Mel 12

Portal Stories: Mel é uma declaração de amor à franquia, desenvolvida por um grupo de amadores de grande talento durante cinco anos, sem receber um tostão. Não satisfeitos em apenas criar um conjunto de mapas para lançar na Workshop de Portal 2, o grupo elaborou uma história que funciona tanto como prequel do primeiro jogo como prequel do segundo jogo, compôs uma trilha sonora exclusiva e de qualidade, realizou um trabalho de dublagem que não fica muito atrás do realizado pelos dubladores originais, introduziu inúmeros novos modelos e texturas nos subterrâneos da Aperture Science, reuniu tudo isso e criou um Jogo. Não dá mais para chamar de mod, um trabalho que supera em duração a obra em que se inspira. O resultado final é tão impressionante que a própria Valve colocou em destaque na sua loja e você pode baixá-lo de graça.

O único ponto em que se percebe a falta de um profissional nos bastidores do desenvolvedores é justamente na duração e no ritmo de Portal Stories: Mel. Enquanto a Valve sabe dosar com maestria os momentos de enredo com os enigmas e manter o jogador imerso em seu universo, unindo a trama com o surgimento dos desafios, aqui aparece a falta de uma direção. Em seus momentos baixos, o mod tem mesmo cara de um punhado de mapas extremamente difíceis costurados com uma frágil linha condutora. O Capítulo 4, em especial, é cruel e se arrasta. O Steam me registra 20 horas de jogabilidade, a exata soma das 6 horas que gastei no primeiro Portal com as 14 horas da sua continuação. Em 20 horas batendo a cabeça, até a Valve teria problemas em alinhavar uma narrativa coesa.

Portal Stories - Mel 16Portal Stories - Mel 22Portal Stories - Mel 25

Se você se acha um mestre em Portalogia, os desafios aqui vão testar os seus limites. A progressão natural desenvolvida pela Valve, fruto de um level design caprichado, simplesmente não existe. Um mapa de arrancar os cabelos pode ser ser sucedido por outro bem tranquilo, enquanto o jogo/mod usa e abusa de elementos vistos nos dois capítulos oficiais da série. Apesar de não exigir hacks, você terá que pensar em soluções que não apareceram antes e certamente haverá momentos em que você xingará com prazer a árvore genealógica de seus criadores. Mas não esmoreça, olimpiano! E procure pelos lugares secretos.

Esta corrida de obstáculos não chega a comprometer o resultado final. Àqueles que perseverarem, Portal Stories: Mel presenteia com uma conclusão de tirar o fôlego e o surpreendente carisma de um de seus personagens. Acabei me flagrando melancólico ao final, diante da impressão de que provavelmente nunca mais os verei.

Mas quem sabe? Talvez a Aperture Science ainda não esteja totalmente fechada. Talvez ainda haja espaço para Mel no futuro.

E Chell.

Portal Stories - Mel 19

Ouvindo: Guns n' Roses - You Aint The First
Seu apoio é muito importante! Ajude esse blog a crescer! Patreon

Um comentário:

Lara disse...

Os gráficos do jogo são soberbos.

Retina Desgastada

Blog criado e mantido por C. Aquino | Seja um patrono!

My Playstation WallpapersXbox WallpapersPC Game Wallpapers

Paladins