Retina Desgastada
Idéias, opiniões e murmúrios sobre os jogos eletrônicos
Comunidade do SteamMastodonCanal no YouTubeRSS

14 de maio de 2022

Passeio na Firma

stanley-parable-ultra-deluxe-20

Uma das minhas maiores diversões em The Stanley Parable: Ultra Deluxe era fotografar. Ainda que meu primeiro contato com o universo do jogo tenha acontecido em 2012, na época eu não tinha um conceito para explicar a estranheza passada por seus ambientes. Há algo de macabro e opressor em paisagens conhecidas pelo homem mas retomadas pelo mistério, enigmas que prometem quebrar as barreiras do cotidiano e nos mergulhar em um universo que se recusa a ser compreendido.

A perspectiva de que, a qualquer momento, aquilo que chamamos de "normalidade" pode deixar de existir, nos largando sozinhos e desamparados em um espaço carente de significados.

O nome disso é: espaços liminares. Eu não sabia lá em 2012. Agora eu sei, o que não ajudou em nada na sensação de descolamento da realidade pelos corredores de The Stanley Parable. Eu só podia rir de nervoso das situações nonsense. E continuar registrando minha viagem para os porões da insanidade.

stanley-parable-ultra-deluxe-10stanley-parable-ultra-deluxe-11stanley-parable-ultra-deluxe-15stanley-parable-ultra-deluxe-24stanley-parable-ultra-deluxe-27stanley-parable-ultra-deluxe-30

Ouvindo: Morphine - Have a Lucky Day

Um comentário:

Filho de Gled disse...

the end is never the end

Retina Desgastada

Blog criado e mantido por C. Aquino

Aztech Forgotten Gods