Retina Desgastada
Idéias, opiniões e murmúrios sobre os jogos eletrônicos
Comunidade do SteamTwitterRSS

9 de outubro de 2015

Jogando: Rig N' Roll (Parte 1 - Esquentando os Motores)

Acaso é uma força muito estranha. Desde que passei a escolher meus jogos no Steam baseado no botão Random do SteamChecklist, fui brindado com Tomb Raider, que finalmente saiu da minha lista de pendências, mas também com Soul Gambler, que dificilmente escolheria de livre vontade, por pura preguiça de ousar.

Rig N Roll - BoxE agora o acaso lançou Rig N' Roll no meu colo.

Tenho certeza de que este jogo de caminhoneiro veio em algum Bundle que comprei no passado e ele não era exatamente no que eu estava mirando quando adquiri o pacote. Eu via alguns camaradas tecendo elogios sobre Euro Truck Simulator 2 e nunca me imaginava colocando meu quepe virtual, encarando o volante de um veículo de muitas toneladas e pegando essa grande estrada no meu monitor.

Pois Rig N' Roll é exatamente o primo pobre de Euro Truck Simulator. É sobre caminhões, tem missões de carga e descarga, tem largas estradas, estilo de vida "Pedro e Bino", controles de simulador que usam quase todas as teclas do teclado. Mas que graficamente consegue ser inferior ao primeiro Euro Truck Simulator, apesar de ter sido lançado dois anos depois.

De imediato, sou apresentado a uma das mais toscas animações de abertura da história dos jogos. A sincronização labial dos personagens é de dar medo. Meu personagem se chama Nick e, por algum motivo, acaba de comprar uma empresa de caminhões, com direito a secretária e tudo. Na primeira oportunidade, o protagonista já pergunta se a secretária é casada ou não, porque aqui é macho alfa falando e não faz diferença se eu vou ficar o resto do jogo na estrada sem voltar para o escritório.

Rig N Roll

Cyberpunk é agora! Telas de altíssima tecnologia ao longo do jogo

Depois seu amigo te apresenta seu único funcionário, que não parece ser o biscoito (ou bolacha) mais inteligente do pacote. Em seguida, te mostra seu caminhão e é isso. Acabou a introdução, não tem tutorial, cai na estrada, parceiro!

Apesar da história (tem mesmo história?) ser capenga, a direção é interessante. No modo terceira pessoa é impossível dirigir, já que a boleia ocupa quase todo o campo de visão. Posso atropelar uma passeata inteira no lado direito que não vou nem ver. A visão de dentro da cabine é melhor, mas não tenho retrovisores. Acho.

Rig N Roll 02

Apesar de ser um simulador, com botão para tudo, a física é sua amiga. Você pode ir de 88 MpH, a velocidade com que um certo DeLorean já viajava no tempo, a 40 MpH em um segundo, só apertando o freio de leve. Se puxar o breque, o caminhão estanca na hora. Não existe inércia no mundo de Rig N'Roll e até agora só bati uma vez, porque tentei fazer uma curva em 90 graus rápido demais.

Não que eu esteja reclamando. Sem missões, sem saber para onde ir, perdido no asfalto, é muito bom ouvir um roquinho genérico com bandas desconhecidas mas legais e me perder nessa infinita highway. Abro os botões da camisa, coloco um palito de dente no canto da boca e um cotovelo na janela.

Rig N Roll 03

Talvez eu devesse tentar Euro Truck Simulator.

Ouvindo: Pearl Jam - Hail, Hail
Seu apoio é muito importante! Ajude esse blog a crescer! Patreon

4 comentários:

Guilherme Gorinelli disse...

Aquino, nunca comento aqui no blog mas também nunca perco uma postagem desde que eu conheci o Retina faz uns 2 anos. Só queria passar pra dizer que o seu blog é foda, se não for o melhor blog brasileiro sobre games.

Hawk disse...

E como faz para descarregar a carga? É só chegar no lugar e pronto?

C. Aquino disse...

Guilhereme, valeu! :)

Hawk, é só entrar no armazém de destino que a carga é descarregada automaticamente.

Cézar Felício disse...

Experimente o Euro Truck, se esse te agradou um pouco, você vai gostar bastante do ETS 2!

Retina Desgastada

Blog criado e mantido por C. Aquino | Seja um patrono!

My Playstation WallpapersXbox WallpapersPC Game Wallpapers

Tooth and Tail