Retina Desgastada
Idéias, opiniões e murmúrios sobre os jogos eletrônicos
Comunidade do SteamTwitterRSS

22 de setembro de 2014

Primeiro Decanato

Dawn of War

Pela glória do Imperador, há dez anos atrás a Relic Entertainment recebia a benção para levar sua Palavra às hostes impuras e libertar Warhammer 40,000: Dawn of War sobre o mundo.

Celebrando seu primeiro decanato, a PC Gamer distribuiu 5000 chaves da edição especial do jogo, que acabaram tão rápido que ninguém viu. Apenas os velozes e mais fortes obtiveram a graça.

Felizmente, a PC Gamer também entrevistou os desenvolvedores para uma rápida retrospectiva sobre por que o jogo de estratégia acabou se tornando um sucesso.

Para Phillip Boulle, designer da narrativa e da campanha, o segredo foi se afastar da fórmula consagrada de outros títulos. "Ninguém corta madeira", declarou. Em Dawn of War, o gerenciamento de recursos é mínimo e os recursos que são necessários são pontos estratégicos a serem conquistados no mapa. Tudo o que importa é a guerra: para se conseguir melhores tropas, é preciso lutar e com melhores tropas se luta mais. "É tudo sobre se movimentar, todas as formas que você tem para se obter recursos são através do conflito. Saia, enfrente o inimigo logo".

Em outros títulos do gênero, você monta uma base e coleta recursos ao redor, antes de montar um exército e avançar. Em Dawn of War, conseguir recursos e avançar são quase a mesma coisa. Essa dinâmica está presente até mesmo no método de construção: em outros jogos, tudo começa como um esboço até o prédio ficar pronto, porque você está ali, sempre de olho em sua base. No título da Relic, o prédio praticamente nasce pronto, porque o jogo sabe que logo em seguida você irá desviar os olhos para a batalha.

O resultado final foi tão satisfatório que quase arrancou lágrimas do pessoal da Games Workshop, detentores dos direitos da franquia e criadores do wargame original. Quando a Relic mostrou o jogo e eles viram o poder Storm do Eldar Eldritch, eles gritaram: "É ISTO! É exatamente assim". Por mais de dez anos, o poder havia sido descrito e utilizado por jogadores em todo mundo, mas era a primeira vez em que ele podia ser contemplado de uma forma visual.

Storm

A Relic trabalhou com a liberdade de quem é parceiro, criou unidades como a Eldar Bonesinger, que mais tarde foram incorporados ao cânone dos jogos de miniaturas. Seu Chapter de Space Marines, o Blood Ravens, ganhou livro de regras assinado pela Games Workshop e três romances até agora, fazendo parte oficialmente do séquito de tropas leais ao Imperador dos Homens.

Mas, talvez, a parte mais auspiciosa da entrevista seja aquela em que a Relic é indagada sobre um terceiro jogo da série. "Dawn of War permanece uma importante propriedade para nós e nós continuaremos a procurar formas de investir nisso".

Mesmo após o fim da THQ.

Mesmo após a compra pela SEGA.

A Relic ainda tem os direitos de criação de um novo Dawn of War.

E a SEGA lançou um novo site oficial para a franquia, com um novo time de moderadores para o fórum.

Será que chegou a hora? O Imperador sabe.

Aliste-se

warhammer_big

Aproveitando a celebração de dez anos, o Gamersgate colocou todos os jogos do universo de Warhammer 40k em oferta, com descontos de 75%. Alguns registram no Steam, mas a maioria não.

Na dúvida, recomendo a Edição Platinum, que contém o primeiro jogo, e as expansões Winter Assault e Dark Crusade.

Ouvindo: Necrophilistic Anodyne - Raping Facts
Seu apoio é muito importante! Ajude esse blog a crescer! Patreon

Nenhum comentário:

Retina Desgastada

Blog criado e mantido por C. Aquino | Seja um patrono!

My Playstation WallpapersXbox WallpapersPC Game Wallpapers

Regalia