Retina Desgastada
Idéias, opiniões e murmúrios sobre os jogos eletrônicos
Comunidade do SteamTwitterRSS

17 de janeiro de 2013

A Lenda de Grimrock

Quando Legend of Grimrock foi noticiado por aqui pela primeira vez no agora distante dezembro de 2011, eu perguntava: "Será que a fórmula ainda funciona depois de tanto tempo?". A resposta, para mim, foi sim. O título moderno que recria a atmosfera de RPGs dos anos 90 foi uma agradável surpresa, comprada na pré-venda, e uma jornada inesquecível.

Pelo visto, eu não estava sozinho naquelas masmorras.

Segundo uma postagem publicada no site oficial, Legend of Grimrock vendeu 600 mil unidades desde o seu lançamento. Nada mal para um título que ressuscita uma jogabilidade que estava esquecida fazia anos. Ou existe uma grande demanda saudosista por aí e cada jogador de Eye of the Beholder ou Dungeon Master comprou uma cópia ou as novas gerações aprovaram este resgate histórico. O resultado é um Metascore de 82 e uma comunidade ativa. Legend of Grimrock disponibilizou um editor de níveis meses depois e agora já tem 455 criações expostas no Steam Workshop.

Assim como os heróis involuntários da prisão de Grimrock, tudo isso foi conseguido com uma equipe de apenas quatro pessoas. Sem produtoras, sem acionistas, sem investidores ou marqueteiros.

E a Almost Human parece estar disposta a continuar expandindo seu universo. Com o sucesso, "o futuro de nossa companhia está garantido por um longo tempo". E que futuro será esse? Eles ainda não contam, mas, as duas telas publicadas abaixo revelam um retorno:

LoG_teaser_screen_02 LoG_teaser_screen_01

Novas armas, novos ambientes, novos desafios (e um Homem-Rato na equipe?!). A Lenda continua.

Ouvindo: Public Image Ltd. - Poptones
Seu apoio é muito importante! Ajude esse blog a crescer! Patreon

10 comentários:

Shadow Geisel disse...

a minha teoria é de que a indústria de games está passando por uma (apressada) renovação de ciclo: alcançou seu auge; se autoconsumiu com jogos de um mesmo gênero (FPS) e agora passa por um processo de retorno às origens. os jogos estão tão fáceis e condescendentes que os jogadores mais dedicados clamam pelo antigo jeito de se fazer jogos.

João Luiz disse...

verdade shadow.

é só ver o sucesso do dark souls pra ver que muita gente não quer facilidade, mas sim um bom desafio.

Breno disse...

João, só para constar, Shadow odeia Dark Souls, kkk...

600 mil é um bom numero para um jogo independente de baixo orçamento.

Jimmy Fischer disse...

600 mil, ok...mas estão contabilizados bundles e promoções do STEAM?
Tenho, comprei por um preço bem baixo e sequer testei, mas está na lista!

João Luiz disse...

odeia dark souls!??!?!?!

infiel!!!!!

Marcos A. S. Almeida disse...

Esse resgate está funcionando não é por conta do saudosismo e sim porque muitos sequer conhecem os RPGs antigos.Legend of Grimrock pra essa geração representa a novidade , em jogabilidade e criatividade, saindo da mesmice em que se encontram os jogos de hoje.E é aqui que entra a minha teoria de que hoje só os indies apresentam algo criativo , terreno que as grandes produtoras não se arriscam pisar por medo de prejuízo ou lucro de menos.Preferem o terreno firme das franquias consagradas e rentáveis.Por mais que Legend of Grimrock, Deadlight, Trine e outros se utilizem de mecânicas antigas, o resgate dos estilos já seria por si só muito bom, mas eles conseguem ainda adicionar detalhes muito interessantes á esses jogos. Estou jogando Deadlight e é um plataformer como já cansamos de ver , mas a forma como ele foi implementado é que lhe garante o ar de novidade.OK, sejamos justos , são estilos antigos que se beneficiam de engines novas, mas porque as grandes não utilizam dessa idéia? É a hora e a vez dos indies e dos free-to-play.

Shadow Geisel disse...

sim, eu odeio Demon/Dark Souls. mas não é pela dificuldade não. muito pelo contrário: cheguei a comprar esse jogo justamente pela promessa de dificuldade e altos desafios. o problema é como o jogo é feito. ele tem certas falhas que impedem uma jogabilidade mais técnica. se o jogo quer exigir, que dê condições. o visual tb nunca me impressionou muito (o Dark até que é bem bonito, mas o demon). esse jogo não sabe recompensar o jogador. e eu detesto isso em um jogo difícil. só pra ter uma ideia, meu irmão comprou o dark mas eu nunca tive o interesse de jogar. só o fato de ver ele se descabelando quando morre com um golpe do inimigo já é diversão mais que suficiente rsrsrs.

João Luiz disse...

olha, dark souls é um dos jogos que mais recompensa a perseverança do jogador.

e quais falhas são essas? eu não sei de nenhuma grande falha que atrapalhe a jogatina.

ps. demon souls tem o gráfico fraquinho mesmo, e é bem pior. mas é melhor que muita porcaria por aí...

Shadow Geisel disse...

alguns detalhes, João. não tô bem lembrado pois faz tempo que eu joguei.

Raphael AirnMusic disse...

Isso me lembra que estou travado na maldita fase das aranhas. A maneira como desenvolvi os personagens não ajuda e já gastei todos anti-venenos que tinha disponíveis =(

Retina Desgastada

Blog criado e mantido por C. Aquino | Seja um patrono!

My Playstation WallpapersXbox WallpapersPC Game Wallpapers

Regalia