Retina Desgastada
Idéias, opiniões e murmúrios sobre os jogos eletrônicos
Comunidade do SteamTwitterRSS

28 de dezembro de 2013

O Que Dizem os Astros

Mãe Dinah

Chega o final de ano e aquela avalanche de matérias repetidas assolas os jornais e as TVs: que cor usar para o Reveillón, quem está na estrada para passar as festas com a família, o amigo oculto dos famosos etc. É compreensível, já que os próprios jornalistas ou estão de folga ou estão desejando muito uma, e a última coisa que querem é investigar o que quer que seja. E uma das matérias mais inócuas é aquela das "previsões para o próximo ano": o que dizem os búzios, os astros, o tarô, as entranhas de um coelho ou os espíritos. Todo mundo assiste, ninguém se importa, ninguém faz o balanço no final do ano.

Felizmente, no mundo dos jogos, não temos nada tão medieval. Mas, ainda assim, temos algo tão vago quanto: as previsões dos analistas da indústria.

O futuro é terreno pantanoso, já tive a minha lição e não ouso mais especular sobre o amanhã. Mas, segurei este link nos meus favoritos o ano inteiro. São as previsões do Gamespot para o ano de 2013. E quanto mais os meses passavam, mais eu ria. Uma pilha de rumores sustentada em cima de uma base de achômetros. O teto de vidro não é desculpa para que eu faça vista grossa...

"Steam Box Irá Tornar a Vida Difícil Para a Microsoft, Sony e Nintendo"

Este não foi o ano em que a Valve sacudiu o mercado. Seu anúncio modesto do Steam Box provocou, no máximo, uma marola. Se acontecer mesmo uma avalanche, capaz de perturbar os três gigantes do mercado, ela vai atrasar um ano em relação à profecia do Gamespot.

Errou. Por um ano?

"Pulando o Intermediário e a Ascensão do Super Indie"

O Gamespot acreditou que o Kickstarter iria iniciar uma revolução e eliminar as produtoras da equação, com o crescimento maciço de empresas independentes. Na verdade, desde sua criação o sistema de crowdfunding conseguiu financiar 2715 projetos de jogos (incluindo aí os títulos de tabuleiro ou cartas). Contra 5018 fracassos que não atingiram a meta. Jogos são a quarta pior taxa de sucesso do serviço, na frente apenas de Moda, Publicações e Tecnologia.

Isso significa que o Gamespot errou de novo e a fonte está secando? O segundo projeto relacionado a jogo eletrônico mais rentável do Kickstarter é de 2013, Torment: Tides of Numenera. Das 20 maiores arrecadações em jogos eletrônicos, 11 são de 2013.

O que o Gamespot não previu foi que o "movimento" indie se libertaria das amarras do Kickstarter. Através do Greenlight (que ninguém viu chegando) e do igualmente imprevisto Early Access, os desenvolvedores independentes estão entrando pesado no mercado, muitas vezes já faturando antes mesmo do jogo ficar pronto. Há uma bolha de euforia no Steam, com dezenas de títulos entrando a cada mês no sistema. Sony e Microsoft também abraçaram os independentes em seus novos consoles.

O que estamos vendo é o desaparecimento gradativo das produtoras em todo um segmento. Mas o surgimento de um novo tipo de intermediário: o dono da plataforma, seja ele a Valve, a Sony ou a Microsoft.

Acertou (meio torto, mas acertou)

"Source 2 e Half-Life 3, Talvez"

ahahAHAHAhahaha.

HL3

Errou (como tantos outros, ano após ano).

'O Próximo Xbox Será Chamado de... Xbox'

Para a felicidade geral de todos, Xbox 720 (que dá duas voltas em torno de si mesmo) era apenas um apelido ridículo. Mas o novo console não se chama apenas Xbox. Se chama Xbox One, apesar de ser o terceiro em sua linhagem. Ou XBONE, para os jornalistas estrangeiros, ou XONE, para os mais chegados.

Errou (mas teria sido melhor se tivesse acertado).

'Xbox Surface No Verão"

Não apenas nunca houve um projeto de uma plataforma de jogos portátil em forma de tablet nos corredores da Microsoft, como o próprio Surface foi um desastre de mercado que manchou a saída de Steve Ballmer da empresa.

Errou (e feio).

"A Era dos Tablets"

Essa previsão merece uma citação na íntegra: "este será o ano em que nós veremos as capacidades de ambos os tablets Android e iOS se equiparar à atual geração dos consoles". Embora títulos como Hearthstone, Shadowrun Returns ou Papers, Please tenham versões anunciadas ou prontas para tablets, não dá para dizer que estes dispositivos se equipararam ao Xbox 360 ou ao Playstation 3.

A Rockstar colocou em Dezembro sua versão de Grand Theft Auto: San Andreas em aparelhos iOS. Um jogo de nove anos atrás. O que pode nos dar uma ideia de quanto tempo ainda pode levar para vermos um GTA V em um dispositivo móvel.

Errou (por um ou mais anos).

"O Próximo PlayStation Será Chamado de... PlayStation 4"

Essa era uma barbada de tão óbvia. Mas aí, no meio da previsão o Gamespot insinua um dispositivo similar ao Google Glass para Realidade Virtual e um controle que seria um híbrido de Dual Shock/Move... O botão Share, ninguém imaginou.

Acertou (viajou no meio da matéria, mas acertou).

"Vita Reembalado, Preço Reduzido. A Sanidade Prevalece"

O Vita realmente teve um corte de preço em Fevereiro (no Japão) e Agosto (EUA e Europa) e uma nova versão lançada em Outubro (no Japão). Se a sanidade prevaleceu? Dificilmente. Para desespero dos donos do portátil, o PS Vita atravessou o ano sendo motivo de chacota por todos os lados.

Acertou (no cômputo geral, digamos).

"O Retorno de Boas Histórias"

Ainda no hype de The Walking Dead, da Telltale Games, o Gamespot previu que 2013 seria o ano das "boas histórias", um conceito bem relativo de quantificar. Com lançamentos como The Last of Us, Grand Theft Auto V e Bioshock Infinite, alguém poderia dizer que a tendência se concretizou, ignorando por completo que todos estes jogos já estavam em desenvolvimento muito antes do adventure da Telltale chegar nas lojas. E 2013 também viu os horrores de Alien: Colonial Marines, Dead Space 3 ou aquele outro jogo do The Walking Dead.

Um retorno das boas histórias? Eu diria que elas nunca foram embora. Assim como as más histórias. Ou os jogos que não precisam de boas histórias para serem bons.

A única repercussão visível do sucesso da Telltale Games é o próprio sucesso da Telltale Games, com agenda cheia de adaptações para 2014 e muita bala na agulha.

Errou. E ponto.

"A Influência dos MOBA É de Enlouquecer"

Dota 2 é de longe o título mais jogado no Steam, em qualquer hora do dia. League of Legends virou um esporte virtual nos Estados Unidos. A Blizzard está entrando de cabeça no mercado. A DC Comics está entrando de cabeça no mercado. A Warner também empurrou O Senhor dos Anéis para o mercado. Até mesmo Dead Island e King of Fighters vão virar MOBAs! Sim, é de enlouquecer.

MOBA

Acertou em cheio!

"League of Legends em Mais Plataformas"

Não. Não aconteceu.

Errou (embora não dê para entender por que não aconteceu ainda)

"eSports, eSports, eSports"

Acertou, acertou, acertou. Seguindo ainda a crista da onda dos MOBAs, o esporte eletrônico explodiu em sucesso nos Estados Unidos em níveis que se aproximam a cada mês do frenesi coreano por Starcraft. Jogos de luta também cresceram neste campo. E o bom e velho FPS recuou um pouco para dar espaço para os novos participantes.

Acertou.

"Square-Enix Finalmente Irá Fazer Algo com Final Fantasy VII"

Se, por "algo com Final Fantasy VII", o Gamespot quis dizer "lançá-lo no Steam, seguido pelo Final Fantasy VIII", então ele teria acertado. Mas, na matéria, fala-se em uma versão para dispostivos móveis e um eventual reboot. Por enquanto, Cloud e sua turma permanecem oficialmente com os mesmos gráficos e nas mesmas plataformas de 15 anos atrás.

Errou.

Saldo Final

Foram oito erros contra cinco acertos. Provavelmente mais do que um profeta de programa de televisão, mas, nada que não possa ser atribuído ao acaso também.

O que ninguém previu: a polêmica do always on do Xbox, o fiasco do lançamento de SimCity, o preço do Playstation 4 no Brasil, a queda meteórica do Ouya, o Humble Bundle da EA, a saída de John Carmack da id Software e o fim do Games For Windows Live (que era óbvio, mas ninguém ousou dizer em voz alta).

Que venha 2014. E suas surpresas.

Feliz Ano Novo para todos!

Ouvindo: Ozzy Osbourne - Crucify
Seu apoio é muito importante! Ajude esse blog a crescer! Patreon

2 comentários:

Jaotavio "Gyodai" disse...

As pessoas são muito, mas muito cruéis com Dead Space 3...

Shadow Geisel disse...

engraçado é que eu tava pensando exatamente nisso por causa de um vídeo que eu vi no IGN, sobre os 40 e tantos jogos que vc não deve deixar de jogar na nova geração. acho que a cada dia fica mais claro o fato de que esses sites recebem um por fora pra propagandear essas porcarias. como raios os caras sabem que os games são bons, se nem foram lançados ainda? será que uma geração que começou totalmente com o pé esquerdo apresenta tantos títulos bons pra jogar já no primeiro ano? é só olhar pros lançamentos: quase que exclusivamente de ports, e ainda querem convencer de que sabem do que estão falando? devem ser os mesmos "analistas" que jogam 10 horas de Fallout 3 e escrevem um review dizendo como o jogo é maravilhoso.

Retina Desgastada

Blog criado e mantido por C. Aquino | Seja um patrono!

My Playstation WallpapersXbox WallpapersPC Game Wallpapers

Tooth and Tail