Retina Desgastada
Idéias, opiniões e murmúrios sobre os jogos eletrônicos
Comunidade do SteamTwitterRSS

10 de julho de 2013

Jogando: Unmechanical

À primeira vista, Unmechanical parece um cruzamento bizarro de Machinarium com Portal 2. Um mundo habitado por robôs fofos que não falam? Confere. Desafios enigmáticos a cada novo cenário? Confere. Um pesado senso de aprisionamento que oprime sem que você perceba? Confere. Mas a obra independente consegue ir onde Q.U.B.E.  não foi, conferindo empatia ao seu personagem principal e algumas interessantes perguntas sobre o estranho complexo onde ele foi aprisionado.

Unmechanical Unmechanical

Em sua estrutura, Unmechanical é formulaico: um protagonista capturado à revelia e trancado dentro de um lugar onde cada sala é um puzzle lógico. Ao contrário de seu parente mais velho e maduro da Valve, este não tem um artefato surpreendente que resolve todos os problemas. O jogador só usa cinco botões, quatro direcionais e um para ativar o raio-trator que o robozinho possui. Para superar cada desafio, é preciso uma farta dose de raciocínio, uma eventual coordenação motora e o uso inteligente de objetos espalhados aqui e ali.

Unmechanical 04 O mais irritante de todos os desafios do jogo, vencido com tentativa e erro depois de dezenas de repetições

Então, onde reside a riqueza de Unmechanical? No forte contraste entre a fofura e o horror. Mesmo sendo um título onde é impossível morrer, há mais suspense aqui do que em muitos survival horror modernos. O frágil herói robótico é apenas uma criança, prisioneiro de um lugar que remete aos porões da Aperture, um espaço vasto onde maquinário e formas orgânicas convivem em um casamento profano. A trilha sonora acentua o desconforto e recursos de iluminação surpreendentes para um jogo indie tão um tom quase gótico ao ambiente. É um jogo de terror para crianças, uma fábula interativa de Neil Gaiman com pitadas de Giger. Não por acaso, em alguns momentos, meu filho confessou estar com medo. Não por acaso, um dos dois finais possíveis é desconcertante.

Unmechanical 03 Unmechanical 06

Neste universo sombrio, a exploração é incentivada. E é notável a atenção aos detalhes colocados por seus desenvolvedores. Ou as pequenas pistas do propósito desta estrutura subterrânea. Ao término da aventura, respostas esclarecedoras não são fornecidas. Foi uma viagem fantástica por um lugar para ser visitado apenas uma vez. Mas por que meu filho insiste em voltar?

Ouvindo: Silent Hill Downpour - In the Ravine
Seu apoio é muito importante! Ajude esse blog a crescer! Patreon

5 comentários:

Eder R M disse...

Hmn, não tinha dado mta bola pra esse game. Vou prestar um pouco de atenção agora se entrar em promoção no Steam.

renan disse...

PODERIA DISPONIBILIZAR OS NOMES DOS JOGOS DO "MURAL" DO TEU BLOG???

TEM PAGINA NO FB??

C. Aquino disse...

Sugestão anotada, Renan! E não, não tenho página no Facebook.

Ed R M disse...

Comprei no Steam hj, aproveitando que está no Weeklong Sale. :)

C. Aquino disse...

\o/\o/\o/ Espero que curta também!

Retina Desgastada

Blog criado e mantido por C. Aquino | Seja um patrono!

My Playstation WallpapersXbox WallpapersPC Game Wallpapers

Regalia