Retina Desgastada
Idéias, opiniões e murmúrios sobre os jogos eletrônicos
Comunidade do SteamTwitterRSS

20 de novembro de 2012

Jogando: Sonic Generations

Sonic Generations 03 Por um longo tempo eu venho escutado histórias sobre como Sonic vem sendo negligenciado pela SEGA, como os títulos do passado formaram sua era de ouro, como o ouriço azul poderia ter atingido o mesmo status de ícone perpétuo dos jogos eletrônicos ao lado do encanador bigodudo da Nintendo. A este respeito, só posso dizer duas coisas: primeiro, não conheci o passado glorioso do personagem; segundo, os últimos três jogos variam entre bons e excelentes. Enquanto Sonic 4 Episode 1 pecava apenas pela péssima qualidade da conversão para PC, mas parecia ser um jogo razoável e, olhando em retrospecto, acho que devo retornar a ele. Sonic & SEGA All-Stars Racing é excelente, um mais do que competente clone de Mario Kart que esbanja diversão onde falta criatividade.

E Sonic Generations é tudo de bom.

Sonic Generations 05 Sonic Generations 19

Talvez para atender aos anseios dos saudosistas do velho Sonic, a SEGA criou uma história que junta a versão clássica do personagem com sua encarnação mais moderna. Além de trazer um velho conhecido de volta, o título tem também a grande sacada de revisitar diversos cenários da história do Sonic e obrigando o jogador a enxergá-los em duas perspectivas: no tradicional 2D e no moderno 3D. Para mim e para meu filho que não conhecíamos nada de sua biografia, descobrimos o caminhão gigante pela primeira vez, exploramos Green Hill como novatos, derrotamos o Perfect Chaos, vencemos o Metal Sonic. Reunindo uma constelação de momentos grandiosos e oponentes inesquecíveis, a SEGA criou um "Greatest Hits" do personagem que funciona ao mesmo tempo como introdução e nostalgia.

Ao contrário da dificuldade que encontrei em Sonic 4 Episode 1, a ação aqui parece mais fluida. Não sei dizer se são meus frágeis músculos para plataforma finalmente se desenvolvendo depois de meses de prática em diversos jogos ou se a SEGA conseguiu criar uma experiência capaz de atingir diferentes jogadores. Vendo alguns gameplays na internet, optei por acreditar na segunda hipótese: Sonic Generations oferece gratificantes recompensas para jogadores habilidosos e impossivelmente ágeis, mas sem punir os cautelosos como eu ou os esmagadores de botões como meu filho. Alguns chefes deram uma canseira (como o próprio Perfect Chaos, que nos segurou por duas semanas), mas nada impossível de triunfar. Confesso que sou o pior jogador de Sonic que o mundo já viu: não sou rápido, não comprei nenhum skill que vendia na barraquinha do jogo (por absoluta ignorância) e não prestava atenção nas dicas do personagem chato que dá dicas. E venci o jogo, ainda assim.

Sonic Generations 04 Sonic Generations 09Para completar a heresia, sou obrigado a confessar: preferi os níveis em 3D aos níveis tradicionais. A capacidade de fazer um homing jumping, quando o Sonic, ainda no ar, é capaz de mirar um inimigo ou ponto no mapa, é viciante. A tridimensionalidade também ajudou na imersão, se é que é possível falar de imersão em um jogo com um ouriço antropomórfico supersônico. Voar pendurado em um helicóptero, fugir de um peixe robô gigante ou descer em alta velocidade pela lateral de um prédio são injeções de adrenalina que ficarão comigo. Escrevendo esta análise, percebi que todas as telas que eu selecionei são da versão 3D...

Sonic Generations 11

Sonic Generations tem apenas dois pontos negativos. O primeiro deles é a história, que não faz muito sentido e está ali apenas como desculpa para alinhavar vários momentos de sua carreira. Este, no final das contas, é um defeito irrelevante. Até porque, é possível perceber nas entrelinhas que a continuidade das histórias de Sonic é um emaranhado tão complicado quanto a vida dos X-Men e foi melhor não enveredar muito na mitologia.

O segundo ponto negativo é uma tremenda canalhice da SEGA e você merece ser alertado. Resumindo: NÃO COMPRE o DLC Casino Nights. Ao terminar a aventura principal, contei para meu filho que teríamos um nível extra e fui todo contente comprar o DLC no Steam. Pela descrição fornecida na página, "Play through the iconic ‘Casino Night’ Pinball stage", ou seja, "jogue através do icônico nível 'Casino Night' Pinball". Mas não é um nível. Não é uma fase. É um. Mini-jogo. De. Pinball. E dos mais vagabundos. Para piorar o insulto, não houve download algum em nenhum momento, o "stage" foi apenas desbloqueado. Eu paguei por um DLC no disco... Segundo palavras da própria desenvolvedora, "no Sonic Generations experience is complete without this exclusive content!" ("nenhuma experiência de Sonic Generations está completa sem este conteúdo exclusivo"). Depois das ótimas pistas inspiradas em Casino Night no Sonic & Sega All-Stars Racing, depois do capítulo dedicado a ele em Sonic 4, a SEGA me apronta uma destas no jogo que deveria trazer boas recordações.

A trilha sonora é um apanhado geral de vários outros jogos da franquia e empolga em todos os níveis. Realizando algumas missões opcionais, é possível desbloquear artes conceituais, novas músicas e as fichas dos personagens do universo do Sonic.

Sonic Generations 23

Com múltiplas opções de caminho e desafios a serem cumpridos, Sonic Generations ficou no disco rígido por mais tempo do que a vitória poderia supor. Apesar de Casino Nights, a SEGA pode ter certeza de que conquistou dois novos fãs, décadas depois de sua fase de ouro. Aprovada a coletânea, agora é a hora de irmos atrás da discografia completa.

Sonic Generations 14

Pontos Positivos de Sonic Generations: gráficos de qualidade, trama que agrega elementos do passado e do presente do personagem, trilha sonora cativante. Pontos Negativos de Sonic Generations: DLC aviltante, história descartável, batalha com o último chefe que foge da jogabilidade e não empolga.

Ouvindo: Pixies - Gouge Away
Seu apoio é muito importante! Ajude esse blog a crescer! Patreon

8 comentários:

Lucs disse...

Se as partes 3D foram as preferidas, eu recomendo que os próximos sejam Sonic Adventures DX e Sonic Adventures 2.

Marcus Gonzallez disse...

Sonic Generations é ótimo... Até o chefão final que é a coisa mais escrota do mundo...

Carlos Wilson disse...

Gostei mais das fases em 2D, não sei se é pura nostalgia já que conheci Sonic no Mega Drive.

C. Aquino disse...

Lucs, os dois já estão na minha wishlist do Steam. Vamos ver se compro nessa Autumn Sale ou no Natal...

Marcus, você está absolutamente correto! O chefe final é um porre... é muito complicado fazer dano nele e ele praticamente não faz dano no Sonic, além da jogabilidade não ter nada a ver com o resto do jogo. Demorei 20 minutos de tédio para vencer.

Carlos, meu filho gostou mais da 2D também. Voltamos agora para Sonic 4 Episode 1 e ele adorou.

Nobody_joe disse...

Então, não sei se p primeiro Sonic Adventure é tão recomendado assim, pois ele não envelheceu tão bem e tem partes de andar na cidade e conversar com pessoas ao estilo RPG que são muito chatas. Vá de Adventure 2 que é mais garantido.

Uma recomendação minha é Crash Bandicoot 2 e 3 do PS1, ótimos platformers 3D que envelheceram muito bem. Você só vai ter que emulá-los, mas fique tranquilo que o emulador EpsxE 1.6 é bem leve. Dê uma olhada no meu vídeo de Crash 3, que acho que ele vai te convencer: http://www.youtube.com/watch?v=bHjlIPgSbAo

Shadow Geisel disse...

muito bom o review Aquino. só li agora pois fiz uma pequena confusão visual e pensei que ainda era o post do sonic and sega, que alías é um bom jogo, mas discordo do seu "excelente". mas gosto é gosto.

sobre o generations, já vinha pensando em comprá-lo pra dar essa última chance ao ouriço. agora eu fico tranquilo, principalmente pela parte em que vc diz que gostou mais das fases em 3D (eu também, da demo).
ponto alto da análise: avisar aos jogadores para que não comprem gato por lebre. é disso que eu falo quando afirmo que falta opinião e pulso firme pra review de jogos.

Shadow Geisel disse...

"... super-prometeu e sub-entregou..."
kkkk. não consegui evitar de pensar em fable e spore.

"Esta é a mesma Obsidian que perdeu seu bônus de faturamento da Bethesda por um ponto no Metacritic."

é deprimente ver como as pessoas não têm senso de julgamento e elevam sites como metacritic olho que tudo vê dos games. detesto esse site e seus extremismos.

"São mentes criativas que se encontram afastadas do que mais gostam: projetos ousados em gêneros esquecidos."

por quê será que certos gêneros acabam ficando esquecidos? porque a maioria dos malditos jogadores só pensam em COD hoje em dia. isso quando as próprias empresas (como a Capcom com seu RE6) não decidem que um jogo PRECISA se transformar em um filhote de gears of war ou COD pra vender mais. sabe como é: os jogos estão cada vez mais caros de serem feitos...

César disse...

Excelente artigo e concordo por completo! Comprei Sonic Generations bem de bobeira e não me arrependi. Um JOGAÇO! Sempre que posso, elogio ele. Não há um nostálgico sequer que consiga reclamar desse.

Infelizmente eu também caí no truque do DLC. Que bosta! Mancada mesmo, mas... A gente convéve. Que venham mais jogos de qualidade como esse!

Retina Desgastada

Blog criado e mantido por C. Aquino | Seja um patrono!

My Playstation WallpapersXbox WallpapersPC Game Wallpapers

High Hell