Retina Desgastada
Idéias, opiniões e murmúrios sobre os jogos eletrônicos
Comunidade do SteamTwitterRSS

1 de agosto de 2011

Sete Coisas que Me Irritam em Fallout 3

infelizmente não estou conseguindo me dedicar a Fallout 3 como gostaria. Tempo tem sido escasso nos últimos dias, mas acho que vai melhorar. Por outro lado, a sensação de pertencimento, de atmosfera coesa que me recebeu ao conhecer Megaton vai se dissipando aos poucos diante de algumas pequenas, mas irritantes, quebras de imersão que a Bethesda já demonstrou competência para evitar no passado.

  1. Fallout 3 As distâncias são ridículas. Como é possível que as Formigas de Fogo gigantes de Grayditch não façam um lanche da velhinha que mora sozinha a dois minutos do lugar em Wilhelm's Warf?
  2. Raiders por todos os lados. É impossível dar cem passos sem esbarrar em um ou mais Saqueadores no meio do deserto. Como é possível que uma casta que não produz alimentos sobreviva por tanto tempo em tanta abundância? Porque eles não se reúnem e tomam Megaton de uma vez?
  3. Arsenal pesado para Raiders. Como é possível que um bando de pés de chinelo tenha lança-chamas e lança-foguetes? Além de explosivos em quantidade suficiente para desperdiçar em uma refém preparada para explodir? Novamente, eu pergunto: porque eles não tomaram Megaton ainda?
  4. Robôs de segurança são inúteis. Eu ativei um Robô de Segurança no supermercado e ele não conseguiu matar um único Raider, algo que um inexperiente habitante de Vault faz no café da manhã. Ativei outro Robô no metrô e ele veio atrás de mim. Inocente, corri para fora. Mais tarde, entrei na mesma estação vindo do lado oposto e encontrei os restos do robô ao lado do único Molerat que ele tinha matado. Esqueçam o que eu escrevi: acabo de ver um Robô de Segurança desintegrar um Mutante.
  5. Three Dog é um filho da ***. Ele encontra o filho boa-praça de um sujeito que ele sabe onde está e, no lugar de fornecer a informação numa boa, envia o inexperiente jovem para uma missão suicida, quando ele tem uma tropa de soldados blindados a sua disposição.
  6. Moira é maluca. Toda a vez em que eu entro em sua loja para vender as bugigangas arduamente conquistadas, ela me pergunta primeiro se eu já realizei a missão que ele quer. Três cliques depois, fazemos negócio.
  7. Duzentos anos é muito tempo. Se em duzentos anos a sociedade não se ajeita, então está na hora de jogar tudo pro alto e desistir. Duzentos anos depois, a Brotherhood of Steel ainda está na ativa usando o mesmo equipamento. O Enclave aparentemente também, ainda que tenha sofrido um duro golpe no final de Fallout 2.  Em duzentos anos, nós saímos do Brasil Colônia, tivemos dois imperadores e mais de trinta presidentes. Em duzentos anos nós saímos da idade do vapor e entramos na era digital. Em duzentos anos, nós até lançamos Duke Nukem Forever! Eu posso entender que a Bethesda queira colocar uma distância entre sua história e os clássicos, mas será que situar a trama do outro lado do país não seria o suficiente?
  8. (faixa-bônus pós-postagem) Cadê meu acesso rápido? Alguém conhece teclas de atalho para acessar de imediato o Mapa, o Inventário ou as Estatísticas? Toda vez eu tenho que abrir o Pipboy e navegar até a informação que eu quero?

Isso não me impede de seguir em frente, apesar de serem solavancos na história. Ainda estou esperando meu fiel cachorro companheiro...

Ouvindo: Swamp Terrorists - Kick
Seu apoio é muito importante! Ajude esse blog a crescer! Patreon

27 comentários:

João Luiz disse...

o cachorro tu acha em ... devo dizer?

o ponto 8 do teu post é a grande falha do jogo. tem algumas coisas que pelo visto tu não viu ainda que tornam ele mais evidente e irritante. podiam ter feito ele se passar uns 100 anos antes, sei lá. erraram feio neste quesito.

sobre os raiders tomarem megaton: tu já foi no colégio ao lado da "cidade"? tem uma entrada no computador de lá que explica uma tentativa de invadir um vault, e, se não engano, megaton.

o mais pau no c... não é o 3 dog, mas o moriarty. mas isso é legal, os caras tem que ser trouxas mesmo...

ps. tenho que ver, mas se eu não me engano dá pra passar a conversa no 3 dog e não ter que fazer a quest dele antes da informação.

João Luiz disse...

ops, editando, é do ponto 7 que eu falei, não do 8...

Breno disse...

Mais uma vez comento meu repudio aos jornalistas credenciados pelo metacritic.Fallout 3 tem notas de criticos para PC,xbox e ps3 respectivamente:91,93 e 90.enquanto o user score apresenta as seguintes notas:7.8,8.4 e 7.8!Aquino com algumas horas de jogo consegue perceber defeitos que a grande midia diz ser apenas pequenos defeitos tecnicos.

C. Aquino disse...

João e qualquer um: por favor, não me contem onde está o cachorro! Eu quero achar sozinho!
Fiquei curioso sobre os planos dos Raiders agora... vou investigar. O que me irrita no Three Dog é que supostamente ele deveria ser um sujeito bacana, meio bicho-grilo, meio líder. Moriarty eu já esperava que fosse um sacana (o xerife tinha avisado, o ghoul tinha avisado...). Até avatar e voz de sacana o Moriarty tem. Com um bom nível de Speech e sorte, você enrola o Three Dog. Mas quem disse que eu consegui? Tudo bem que você tem que ser um pouco gente fina para aceitar missão de todo mundo, mas mandar um sujeito mal-armado e sem experiência fazer o trabalho da Brotherhood só para liberar uma informaçãozinha é muita falta de Deus no coração!

João Luiz disse...

mas isso é ou não da essência de fallout? tu sendo explorado por pessoas que deveriam ser boas? nessa parte, o jogo foi bem...

e pelo menos o jogo permite que tu tenha mais opções pra resolver essa quest, coisa não tão comum no FO3, que geralmente é uma solução boa ou uma ruim. o new vegas, que eu tô jogando agora, tem bem mais opções de resolver as quests.

sobre o cachorro: pelo visto, tu vai demorar um pouco pra achar, porque tu tá seguindo a quest principal. desencana dela e vai explorar o mundo. a graça do jogo tá aí, e não seguir a (fraca) quest principal.

Fabio Sooner disse...

Sobre o ponto 7, não vão discutir muito sobre como certas situações destroem qualquer capacidade de uma sociedade se reerguer, mesmo em 200 anos - olhe, por exemplo, para o Oriente Médio, que já foi o berço da alta cultura há muito mais séculos do que isso e nunca ocupou lugar de destaque nesse quesito novamente, e sabemos o porquê. E eles não passaram por algo tão devastador quanto um desastre nuclear.

Só tem um problema, Fallout 3 não se passa 200 anos depois do 2. Ele se passa 200 anos depois do holocausto nuclear. A timeline dos jogos é a seguinte:
Fallout - 2161
Fallout 2 - 2241, 80 anos depois
Fallout 3 - 2277, 36 anos depois

Só pra dizer que a Bethesda não colocou distância na trama, não. Pelo contrário, ela é mais próxima do que do 1 pro 2.

Fabio Sooner disse...

E já que eu parei aqui pra comentar, vamos passar por mais pontos. Até para irritar o mala do Breno :)


1. Não tô lembrando dessa velhinha, agora fiquei curioso. Mas convenhamos, isso provavelmente é uma proteção de plot e é comum em diversos RPGs, não é uma exclusividade de Fallout 3.

2. Eles são os inimigos genéricos, coisa mais comum em jogos de todo tipo. E mesmo que se diga que um RPG com as ambições de Fallout deveria evitar mais isso, leve em consideração que, pelo visto, tu ainda não navegou por 30% da área do jogo e que, no primeiro Fallout, era comum também topar em raiders/bandits toda hora nos encontros aleatórios.

3. Os lança-chamas e lança-foguetes em Fallout 3 são armas improvisadas e longe de serem o melhor armamento pesado neste mundo. Continue jogando... :)

5. Totalmente de acordo. E vai se acostumando, porque isso é um plus. O mundo de Fallout 3, por vezes, é ainda mais cheio de filhos da puta do que os dois anteriores.

6. Moira é a personagem que representa otimismo e ingenuidade à toda prova. Ela está lá para mostrar como certas pessoas simplesmente se recusam a aceitar a crueldade do mundo, não importa o que aconteça. No caso dela, ela sublima tudo com o amor pela ciência e por experimentos.
Se você acha que ela é maluca *só* por isso, experimente... Ops. Quase soltei um spoiler. Confira no final se estiver a fim, até porque se trata de algo que foi mostrado em toda a mídia na época pelo valor de choque.

7. Já mencionei no outro comentário.

8. Sabe que eu nem notei isso? No PS3 não tem, mas é compreensível com a limitação de botões. Agora não me lembro do esquema de controle no PC.






SEMI-SPOILER










Não sei se você teve a oportunidade ou não de detonar a bomba em Megaton. Se não teve e não tiver saco de jogar de novo para fazer isso, procure no You Tube não pela cena da explosão de Megaton em si, mas pelo que o seu personagem vê quando ele volta ao ponto onde a cidade ficava. Aí sim você vai ver o quanto Moira é maluca...

Fabio Sooner disse...

Ah, e sobre o cachorro, se não me engano é possível que você não o encontre sob certas condições. É melhor procurar logo na internet como ele pode aparecer, porque seguindo a história principal as chances diminuem, se me lembro direito.

Breno disse...

Pois é eu lanço argumentos e opiniões e no final eu viro mala(João defendeu Fallout 3 e não é mala não é?seria isso um bias?)!Fazer o que né...me lembra até um certo grupo que ousou andar contrá a maré e lançar suas criticas.Deu no que deu!agora vamos aos pontos..
1- Proteção de plot é uma desculpa meio fraca,assim como fazer npcs imortais!Eu ainda prefiro ver o main quest quebrar do que usar esses artificios!O jogo ficaria mais interessante a medida que a narrativa se adapta as suas ações ou omissões!
2-O fato de serem inimigos genericos não faz com que o jogo fique melhor!O nome que se dá a esses inimigos é "trash mob"!Esse tipo de design deve ser evitado em qualquer jogo(Dragon Age:Origins é vitima desse defeito também)!Eu me incomodei ainda mais com os super mutants!Comparar esses inimigos ridiculos com a classe de um super mutant narrado por tony jay por exemplo da uma dor no coração!veja um exemplo:http://www.youtube.com/watch?v=8U9T8Z_Ayhw
3-Pelo menos nos dois primeiros essas armas eram de ponta para fazer um estrago(desde que vc tenha habilidade para manusealas)!
5-three dog é um dos personagens mais irritantes do jogo,deveriam colocar mais musicas!
6.Gostei da sua defesa de Moira!Mas ela podia ser menos irritante não acha?
7.Segundo a timeline houve um avanço em termos de se estabelecer uma civilização de fallout 1 para fallout 2.Em fallout 3,o que aparente é que a civilização está mais atrasada que em fallout 1!Mas como a localidade é em washington,isso não importa muito!
8.Tipico caso de port de consoles(não é a toa que o xbox 360 tem o maior user score)!procure mods para ver se alivia!

Breno disse...

So um adendo!Vc não topava toda hora com raiders e coisas do tipo nos primeiros fallouts!A frequencia era bem menor e tambem contavam com as variaveis luck e outdoorsman.

C. Aquino disse...

1) Insisto neste tópico. É um problema comum em sandboxes, mas mais exagerado aqui. Tem NPC sem nome e sem importância que "mora" a vinte passos de feras terríveis e assassinas.
2) Inimigo genérico tem limite de aparição. Os primeiros Fallouts eram mais... sortidos. Ou eu ainda não avancei muito depois de doze horas de jogo ou a Bethesda está regulando os Radscorpions, Lobos, Molerats, Louva-Deus Gigantes, Floaters,Formigas Gigantes...
3) Lança-Chamas e Bazucas são armas pesadas quando você está na ponta errada do cano e ainda não chegou ao nível 3. Mas até que eu estou gostando do arsenal dos Raiders: estou descobrindo armas novas por causa deles.
4) Robôs podem ser sinistros! Vou tomar mais cuidado agora.
5) Eu achei que Three Dog e a missão de pegar a antena eram uma decisão pobre de narrativa para seguir em frente. Mas, pelo visto, é intencional que ele seja um FDP. Ponto para a Bethesda. A propósito, eu não escuto rádio em Fallout 3. Fica parecendo GTA Wasteland.
6) Estou aprendendo a gostar desta maluca. Minha bronca mesmo era com a interação, uma vez que ela é a principal comerciante até agora e não tem uma opção "pule a conversa e vamos negociar".
7) Depois da explicação do Fábio, faz um pouco mais de sentido.
8)Eu continuo apertando "M" achando que vai mostrar o mapa...
E, finalmente, eu vou ficar muito DOIDO se não achar esse cachorro! Seguindo os conselhos da galera, ontem eu saí da missão principal, mandei o pai do protagonista às favas e saí explorando por aí. O jogo melhora sensivelmente...

breno disse...

Aquino:
1-Não sou muito familiar com os sandboxes da bethesda,mas pelo visto vc ainda vai encontrar muitas bizarrices e personagens que desafiam a lógica do mundo.Bom mas isso depende do jogador em como ele vai encara essas coisas!

João Luiz disse...

breno:

personagens que desafiam a lógica ou a "tua" lógica? porque personagens sem lógica tem nos outros tb..

aquino:

eu tô loco pra te falar onde tá o cachorro... e o fábio lembrou bem: tu pode achar ele morto, se demorar muito... mas, como diria o breno, isso deve ser mais um dos problemas do jogo...

agora, eu não gosto nenhum pouco de usar npcs do FO3. não te ilude. mais atrapalham que ajudam (apesar que o dogmeat ajuda bastante em certas situações). os npcs dos dois primeiros são 200x melhores.

ps. não disse que largando a quest principal o jogo melhora? se tu tiver a dlc broken steel instalada, que permite continuar jogando depois de acabar a main quest, até vale terminar o jogo. se não, larga de mão e vai explorar.

ps2. a explicação da timeline do fábio é boa, mas eu ainda acho que FO3 tem erros nessa área. se tu for pra arefu, tem uma mulher totalmente deslocada lá, e tu vai entender o que quero dizer...

João Luiz disse...

ah esqueci.

a rádio da enclave é muito engraçada, com os discursos ufanista do presidente, em especial o sobre beisebol. enquanto não começa a repetir demais, vale a pena escutar.

e tem um mod que acrescenta horrores de música. vale bem a pena instalar ele.

breno disse...

João novamente traz lulz para os comentarios na sua defesa de FO3!é necessário sempre criticar os antigos(que pela milesima vez eu concordo) para que se valide os defeitos do contemporaneo(O proprio Jõao concordou que a Main Quest é lixo)?Ironicamente,esse tipo de defesa é feito por causa de fallout 2(que acrescentou um monte de piadas e lulz no jogo)!Mas não vamos esquecer que a bethesda optou por uma caracterização mais realista no seu fallout(a inspiração principal era fallout 1)!Mas agora eu fiquei curioso..Na sua opinião,Little Lamplight é justificavel,coeso e bem escrito no jogo???

João Luiz disse...

o que é lulz?

tu começou tua critica ao 3, falando dos defeitos dele em comparação com os antigos. então, eu defendo o 3, falando dos defeitos dos outros 2, comparando, IGUAL AO QUE TU FEZ. se tu falasse mal do 3 pelos seus próprios defeitos, eu não ia comparar ele com os primeiros, ia defende-lo pelo que ele é. entendeu?

little lamplight: só vou comentar quando o aquino tiver descoberto, não quero spoiler. até lá, espere e confie (by didi mocó).

ps. tem outras questões sobre a timeline do jogo que me ocorreram agora, lembrei depois, mas que prefiro que o aquino avance mais pra poder falar (muito spoiler...).

Breno disse...

A unica coisa que eu comparei NESSA sessão de comentarios são os encontros com os inimigos(e algumas mecanicas como uso de armas e encounter rate),que em geral é melhor em fallout 1(varios aspectos dos primeiros eu acho melhor que o 3,mas não entremos nessa discussão agora).Agora a critica ao scenario e seus personagens,narrativa e etc.são criticas relacionadas ao jogo em si,e vc dizer que os anteriores tambem tem uma narrativa ruim(coisa que eu discordo,em especial o 1)não ajuda muito na defesa do 3 não acha?
Quanto a Little Lamplight,não é necessário spoilers,eu só queria uma opinião sua para saber se vc acha aquilo coeso ou não...
p.s.lulz é o plural de lol...

João Luiz disse...

onde eu disse que os 2 primeiros tem narrativa ruim? não lembro de ter dito, mas se disse, errei, eles tem bugs, mas não erros de narrativa.

e a discussão se travou em vários posts, tu não vai querer dizer agora que teus comentários anteriores não servem, vai?

e só tu riu do que eu escrevi, então...

ps. não vou falar de little lamplight, vai ter spoiler, aguarde e confie...

ps2. o aquino deve estar de saco cheio da gente ehehe

Hawk disse...

Nas minhas 60 horas de jogo, matei todo mundo que consegui.

Xerife, robô guardião, a maioria das pessoas do Megaton, velhinha, só não matei o three dog ainda, mas está na minha lista.

Converso com a pessoa, ela não me diz nada que eu julgue útil, meto bala.

Poa Kli-Kluu disse...

Cara, venho acompanhando seu blog deve fazer 1 ano o/
Teve uma série de posts sobre Fallout3 no blog em que escrevo, que falamos sobre algumas curiosidades do jogo.

Mas com relação à suas consideradas utopias de Fallout3, é irritando mesmo não have atalho direto pros itens, ou para o mapa.
Assim como é igualmente irritante não haver atalhos rápidos para outras armas, assim como há nos consoles.

Abraço o/

Poa Kli-Kluu disse...

Aliás, aqui estão os links XD

http://nostalgico-allstar-vermelho.blogspot.com/2010/11/o-vicio-de-fallout.html

http://nostalgico-allstar-vermelho.blogspot.com/2010/11/fallout-x-mad-max.html

http://nostalgico-allstar-vermelho.blogspot.com/2010/11/fallout-e-aliens-cabeca-de-repolho.html

*comentário fora de lugar* cara, eu havia comprado Baldur's Gate já há algum tempo, mas mal havia jogado. Depois da resenha que li sobre o jogo, me inspirei super pra jogar. Adoro tuas resenhas :D Cya dude.

Valber disse...

Sobre o ponto 2 do Aquino:

Acho que o que mais me incomodou foi o genocidio de ghouls heheheh. Em Fallout 1 tinha ghouls hostis, mas nao eram como em Fallout 3 (eles so atacavam se vc se aproximasse muito, nao eram "feral"). Fica a impressão de que os super mutantes e ghouls vieram pra substituir os orcs e zumbis dos RPG hack n slash. Acho que matei mais ghouls em fallout 3 do que fallen ones em Diablo 2, mas deixa pra la...:(.

Com relação aos personagens (como a ja citada Moira), acho que a Bethesda se esforçou para torná-los mais interessantes do que em Oblivion, por exemplo. Mesmo assim, ainda nao é o ponto forte dela.

E essa guerra Breno X Joao Luiz ja encheu... hasteiem a bandeira branca! :)

João Luiz disse...

POA:

na verdade há atalhos no pc para as armas, só não lembro como faz. usa-se os números como atalhos.

C. Aquino disse...

POA: Vc deve selecionar as armas e apertar um número para fixar aquele item no acesso rápido. Vai aparecer um menu com slots e oito posições. Vale também para stimpaks e possivelmente outros artefatos usáveis!! Infelizmente, ainda não encontrei acesso direto ao mapa, às quests, às estatísticas...
A propósito, seu blog é muito LOUCO, cara! Não li as postagens na íntegra, porque senti que ia rolar spoiler, mas guardei para depois do jogo! Grande abraço!

Anônimo disse...

Eu achei o meu cachorro no ferro velho

MrDJMedina30 disse...

Bom...vlw pela dica sobre o cachorro...e segue o link de um video q fiz...tava na "matrix"...Fallout3#Matrix Vault 112#: https://youtu.be/7EVnmHP77pY

Anônimo disse...

Porra cara a 8 foi foda, se ter que acessar a seção DATA do Pip-Boy é quebra de imersão então pqp e aquelas sobre os Raiders terem munição pesada, cara, eles são saqueadores '-' eles devem ter percorrido toda D.C em busca de suprimentos e munição pq D.C ta cheia disso, algumas opiniões suas foram ótimas...Já essas dae
...

Retina Desgastada

Blog criado e mantido por C. Aquino | Seja um patrono!

My Playstation WallpapersXbox WallpapersPC Game Wallpapers

Regalia