Retina Desgastada
Idéias, opiniões e murmúrios sobre os jogos eletrônicos
Comunidade do SteamTwitterRSS

10 de outubro de 2009

(não) Modificando: Half-Life 2 – Parte 2

Combine Em minha busca por mods de qualidade para Half-Life 2, eu esbarrei em mais mods enfadonhos e insatisfatórios do que naqueles que realmente valem a pena. Nesta terceira leva, a tendência se mantém.

"Onde estão os mods com novas armas para Half-Life 2? Onde estão as histórias criativas? Onde estão as criaturas inéditas? Onde estão aqueles capazes de pegar as ferramentas da Source e virar do avesso?"

Minhas palavras, minhas próprias palavras. Como é triste vê-las se voltando contra mim e descobrir que mods com armas novas e/ou criaturas inéditas e/ou histórias criativas não significam nada, não dão aval para um jogo, não salvam o trabalho bem-intencionado de seus criadores da vala comum do botão de desinstalar. Guarde mais esses nomes; são mods que eu não recomendaria nem para meu pior inimigo:

No Escape apresenta tudo que pode empolgar em um mod. Tem um arsenal quase completo de novas armas, novas e mais realistas texturas para NPCs, inimigos e cenários. Tem até novos arquivos de áudio capazes de superar os efeitos de som da própria Valve. Para completar o potencial, a história aborda o universo de Half-Life a partir da ótica de um soldado de elite Combine tentando sobreviver em um mundo tomado pelos mortos-vivos. Então, o que estraga o projeto? Uma dificuldade tão insana que parece ter sido criada para masoquistas. Hordas quase infinitas se lançam sobre o jogador sem clemência. Isso no modo easy! Infelizmente, No Escape faz jus ao próprio nome.

Get a Life é outro mod que faz jus ao próprio nome. Apesar de não ter um áudio modificado, tudo mais é inédito: texturas, cenários, armas, inimigos, história e até gameplay. Ambientado fora do universo de Half-Life, a história segue estranhos acontecimentos envolvendo um personagem hemofílico, uma corporação maligna e, como sempre, zumbis. A grande novidade mesmo  é o sistema de controle de danos, onde é possível monitorar a quantidade de ferimentos aplicados a cada área do corpo assim como estancar hemorragias. A grande falha também é o sistema de controle de danos, onde o excesso de micro-gerenciamento e os terríveis efeitos colaterais dos ferimentos enervam o mais calmo dos mortais. E, quando você for atacado por aranhas gigantes que agem como headcrabs, atacam como headcrabs e emitem sons de headcrabs, você vai chegar à conclusão de que há algo errado na programação...

Awakening traz de volta Adrian Shephard. O esquecido protagonista de Half-Life: Opposing Force retorna! E este é o único mérito do mod. Difícil até a raiz dos cabelos, desisti de completá-lo ainda que seja curto. Cada aparição do Combine significa de 8 a 10 inimigos na tela ao mesmo tempo. Mais uma vez, no modo easy! Acho que esses modders são jogadores tão brilhantes que ocasionalmente se esquecem da existência dos jogadores medianos. Ou isso, ou estão competindo para ver quem cria o mod mais casca-grossa. Atmosfera? Suspense? História? Pra quê? O importante é manter a adrenalina fluindo pela interminável ameaça do game over.

Eu agora olho para a lista de mods que ainda gostaria de testar e sinto desânimo...

Ouvindo: Morrowland - From Hell to Heaven, Main Theme
Seu apoio é muito importante! Ajude esse blog a crescer! Patreon

Um comentário:

Anônimo disse...

Jogue: Zeno Clash.
Jogo bizarro, ambientado num mundo bizarro e feito por uma produtora independente chilena. Primeiro jogo em primeira pessoa que possui um combate decente em primeira pessoa. Vale a pena conferir.

Retina Desgastada

Blog criado e mantido por C. Aquino | Seja um patrono!

My Playstation WallpapersXbox WallpapersPC Game Wallpapers

Regalia