Retina Desgastada
Idéias, opiniões e murmúrios sobre os jogos eletrônicos
Comunidade do SteamTwitterRSS

15 de janeiro de 2009

Quando Hollywood Ataca

Durante muito tempo o emprego de dublador para jogos eletrônicos pertencia... bem, pertencia aos dubladores propriamente ditos, esses heróis sem rosto que ajudaram a cimentar a indústria. Mas, assim como no mercado dos desenhos animados, os atores e atrizes de cinema e TV logo viram a possibilidade de aumentar o orçamento doméstico entre uma produção e outra e os desenvolvedores de jogos aceitaram a chance de ampliar o hype em torno de seus títulos com a contratação de um ou outro astro de Hollywood. Com um faturamento estimado de 18 bilhões de dólares somente no mercado americano, todos querem uma fatia do grande bolo que se tornou o mundo dos jogos.

O trabalho de dublagem é pago de acordo com a tabela do sindicato dos atores, algo em torno de 760 dólares por uma sessão de quatro horas de trabalho. Entretanto, este valor é apenas o piso mínimo. Grandes nomes da telona podem negociar valores que ultrapassam o dobro disso. E muitos profissionais conseguem agendar duas ou três sessões de dublagem por dia, engordando e muito o pagamento. O resultado é que a hora de dublagem acaba saindo muito mais lucrativa do que um trabalho em frente às câmeras.

Em muitos casos também, o papel na voz de um personagem de um jogo foi a tábua de salvação para uma carreira em declínio. Em outros casos, ajudou a dar projeção a profissionais que ainda não haviam alcançado o estrelato. Enquanto outros atores simplesmente pegaram seus polpudos cheques e foram para casa, sua participação no jogo esquecida ou sequer conhecida do grande público.

Dana Gould - Gex

Dana Gould é um veterano neste casamento entre o mundo dos jogos e o mundo do cinema e tv. Comediante com uma longa carreira de pequenos papéis em diversos filmes, ele também dublou e escreveu vários episódios dos Simpsons. E, desde 1995(!), ele escreve e dubla as aventuras do lagarto Gex.

James Woods - Mike Toreno

James Woods é um veterano e ponto. Com uma longa e valiosa carreira a suas costas, o ator ainda acumulou alguns papéis de dublagem: ele fez o vilão Hades, em Kingdom Hearts, o personagem George em Scarface (o jogo, não o filme), entre outros. Mas, talvez, seu papel mais marcante de dublagem tenha sido Mike Toreno, em GTA San Andreas.

Keith David - Arbiter

Keith David tem um currículo invejável no mundo dos jogos, ainda que a grande chance no cinema não tenha aparecido em trinta anos de carreira. Os mais velhos podem se lembrar dele como um dos dois sobreviventes no final do filme "Enigma do Outro Mundo", dividindo um tenso momento com Kurt Russel. Os mais novos... provavelmente irão se concentrar na voz retumbante dos personagens Capitão David Anderson (Mass Effect), Julius (Saint's Row), Barricade (Transformers, o filme e o jogo) e Arbiter (Halo 3).

Lance Henriksen - Gun

Lance Henriksen é um rosto conhecido para os fãs de ficção-científica. O ator já apareceu no primeiro Exterminador do Futuro, em dois filmes da série Aliens, no primeiro Aliens vs Predador e foi o protagonista do seriado Millenium. Henriksen emprestou sua voz para o Admiral Steven Hackett, em Mass Effect, e para o vilão Thomas MacGruder, em Gun, entre outros. Curiosamente, sua voz não foi utilizada em nenhuma das adaptações dos filmes que estrelou.

Michael Madsen - Toni Cipriani

Michael Madsen tem jeito de malandro, de durão. Pelo menos é o que acreditam os diretores de cinema e os produtores de jogos. Sua carreira cinematográfica está repleta de papéis no estilo, em filmes como Kill Bill, Cães de Aluguel e A Experiência. Nos jogos, o mesmo perfil, em títulos como Grand Theft Auto III, Driver 3 e Narc. Madsen, porém, tem uma mancha na carreira: ele participou de um dos filmes do execrado Uwe Boll, a "adaptação" de Bloodrayne.

Patrick Stewart - Uriel Septim

Patrick Stewart dispensa apresentações. Antes de ficar conhecido como o Professor X, dos filmes da série X-Men, ele já era famoso como o comandante Jean-Luc Picard, de Jornada nas Estrelas: A Nova Geração. E, antes disso, ele já era um renomado ator de teatro shakespeariano. Stewart participou da dublagem de vários jogos baseados nos X-Men, mas também é conhecido por ter interpretado o rei Uriel Septim VII, em Elder Scrolls IV: Oblivion.

Michael Ironside - Sam Fisher

Michael Ironside é um eterno coadjuvante de dezenas de filmes, geralmente no papel de vilão. O pessoal da antiga deve se lembrar dele como o antagonista de Scanners – Sua Mente Pode Destruir. Ou não. Sua carreira, infelizmente, teve mais baixos do que altos. Mas, no mundo dos jogos, Ironside começou por cima, emprestando sua voz para o protagonista Sam Fisher da série de jogos Splinter Cell. Nada mal para quem já participou de Escorpião Vermelho 2.

Reuben Langdon - Dante

Reuben Langdon não teve sua carreira salva pelos jogos. Ele teve sua carreira turbinada a mil pelos jogos. Mais especificamente pela série Devil May Cry. O personagem principal, Dante, não só foi dublado pelo desconhecido ator de TV japonês, como também teve seus movimentos baseados nele a partir do terceiro título. Se antes ele podia caminhar tranquilamente pelas ruas americanas sem ser notado, hoje ele afirma que não pára de dar autógrafos.

Jet Li - Rise to Honor

Jet Li, o astro da pancadaria, também teve suas feições e movimentos capturados para dentro de um jogo. Mas nem isso, nem sua dublagem, conseguiram alavancar as vendas do obscuro Rise to Honor. O personagem principal, entretanto, fala em Cantonês no início do jogo. Jet Li, cuja língua nativa na verdade é o Mandarim, precisou ser dublado(!) para a abertura da história. No resto do jogo, o ator justifica o salário de dublador, ao realizar as falas em inglês do protagonista.

Ron Perlman - Hellboy

Ron Perlman faz parte de um seleto time de atores que foram contratados para dublar os personagens que interpretaram nos cinemas. No seu caso, o icônico Hellboy, na adaptação do filme (que é uma adaptação dos quadrinhos...). Mas engana-se quem pensa que o envolvimento de Perlman com os jogos começou aqui. O ator já fez as vozes de Lord Hood (Halo 2 e 3), Conan (no jogo homônimo da THQ), Batman (Justice League Heroes) e foi o narrador de todas as aberturas da série Fallout. "War... war never changes."

Bruce Campbell - Ash

Bruce Campbell é um ator de um só personagem: o heróico e atrapalhado Ash em sua luta eterna contra as forças do mal na série Evil Dead. Se nos cinemas a trilogia de filmes conquistou público e crítica, ainda está para aparecer um jogo que consiga repetir o feito. Campbell segue emprestando suas feições e sua voz para os desenvolvedores, enquanto garante o orçamento no fim do mês.

Chow Yun-Fat - Inspector Tequila

Chow Yun-Fat tem uma vasta carreira cinematográfica, tanto no ocidente, quanto no oriente. Mas seu papel mais marcante sempre foi o do mortífero Inspetor Tequila, dirigido pelo mestre John Woo. O reconhecimento foi tamanho que o mesmo diretor escolheu o personagem para marcar sua estréia nos jogos eletrônicos. Chow repetiu sua parceria com Woo e dublou o policial.

Vin Diesel - Riddick

Vin Diesel (ou Mark Sinclair Vincent) não se limitou a emprestar feições e voz para o personagem John Riddick em Chronicles of Riddick: Escape from Butcher Bay. Ele repete a dose no vindouro jogo The Wheelman, da Midway. Ambos os jogos são desenvolvidos pela Tigor Studios, fundada pelo ator. Se depender dos planos da empresa, muitos outros jogos estrelados por Vin Diesel estão a caminho.

David Duchovny - Ethan Cole Marilyn Manson - Edgar

David Duchovny é o eterno Agente Mulder, da série Arquivo-X. Apesar do ator ter tentado diversos outros papéis em séries e filmes, o estigma irá sempre persegui-lo. O fato de ele ter dublado com pouco entusiasmo o protagonista Ethan Cole no jogo Area-51 não ajuda a dispersar essa impressão ou a salvar o jogo. Duchovny divide os créditos com ninguém menos que o roqueiro das trevas Marilyn Manson, muito mais à vontade no papel no alienígena Edgar, com sua habilidade (dele, do alienígena) de possuir cadáveres.

Ouvindo: Infectious Grooves - Rules Go Out The Window
Seu apoio é muito importante! Ajude esse blog a crescer! Patreon

Um comentário:

Vanessa disse...

Me lembrei do ator que dubla e empresta o rosto ao Starkiller, de Star Wars - The Force Unleashed:

http://www.thesixthaxis.com/wp-content/uploads/2010/02/Starkiller.jpg

e também a mocinha, que esqueci o nome

http://mob284.photobucket.com/albums/ll17/JohnusMaximus/forceunleashed_actors.jpg?t=1280575277

E também Mass Effect, em que usaram a atriz Yvonne Strahovski como base para a Miranda Lawson

http://snarkerati.com/tv-news/files/2010/02/yvonne_chuck_miranda.jpg

http://img695.imageshack.us/f/miri3.jpg/

e o modelo Mark Van der Loo como base para o Comandante Shepard

http://www.gamesthirst.com/wp-content/uploads/2010/05/mass2.jpg

http://girlsofwar.files.wordpress.com/2010/09/mark-vanderloo_default-shepard.jpg

No caso dele foi só o rosto mesmo, porém pra mim a voz do ator que usaram pra dublar o Kaidan Alenko (Raphael Sbarge) é inconfundível desde Knights of the Old republic, não só pelo personagem mas pela interpretação em si (melhor em KotoR, como Carth Onasi).

Retina Desgastada

Blog criado e mantido por C. Aquino | Seja um patrono!

My Playstation WallpapersXbox WallpapersPC Game Wallpapers

Regalia