Retina Desgastada
Idéias, opiniões e murmúrios sobre os jogos eletrônicos
Comunidade do SteamTwitterRSS

30 de maio de 2008

Cinco Jogos Baseado em Filmes (e que Valem a Pena)

Existe um consenso que diz que jogos baseados em filmes são todos ruins (e vice-versa). Sou forçado a concordar que na maioria dos casos é assim mesmo. Para desenvolver um bom jogo é preciso tempo, talento e dinheiro. E jogos baseados em filmes são geralmente feitos com pressa para serem lançados junto com o filme em questão, com os programadores que estiverem disponíveis e com o dinheiro que sobra da produtora do filme. O resultado costuma ser catastrófico, mas os barões da indústria acham que basta ter o nome do filme na caixa que qualquer jogo vai faturar uns trocados.

Para provar que existem exceções a esta regra, aqui vão cinco jogos que não fazem feio em relação ao filme original e podem até superá-lo!

The Thing

The Thing Baseado no filme de terror "Enigma do Outro Mundo" (1982), o jogo na verdade é uma continuação não-oficial da história. No jogo, uma equipe militar investiga os sinistros acontecimentos do Outpost 31 e esbarra em mais criaturas e uma incontrolável infestação. Survival Horror da melhor safra, o jogo teve pouca badalação na época de seu lançamento (talvez por se referir a um filme de vinte anos antes). O próprio diretor do filme original, John Carpenter, faz uma aparição como o personagem Dr. Faraday. Faz parte da minha lista de favoritos e um dia vai ganhar uma resenha própria. Dica: fácil de ser encontrado em promoção nas principais lojas do ramo.

Peter Jackson's King Kong: The Official Game of the Movie

King Kong Apesar do nome ridiculamente longo, o jogo surpreende pela qualidade. Levemente baseado no filme de 2005, a história apresenta eventos que não aconteceram no filme e muitas liberdades criativas sobre eventos presentes no filme. Pode-se dizer que é uma releitura do filme, mais do que uma adaptação. Palmas para a fantástica caracterização dos personagens, muito fiel ao filme. A única exceção é o próprio King Kong, mal modelado, mal texturizado e com controles difíceis. As melhores partes do jogo são os 70% da aventura em que você controla o roteirista Jack Driscoll. Jack não é um herói de ação e passa por terríveis momentos na Ilha da Caveira. Não tem como não sentir a adrenalina jorrando quando tiver que correr de um Tiranossauro faminto.

Blair Witch, Volume 1 - Rustin Parr

Blair Witch Project Quando a febre da Bruxa de Blair atingiu o mundo, a produtora encomendou três jogos para três produtoras diferentes, cada jogo abordando um momento da mitologia. Este primeiro volume envolve os crimes cometidos pelo assassino de crianças Rustin Parr. No papel de uma investigadora de uma agência de combate ao sobrenatural (a mesma organização de Nocturne), cabe ao jogador tentar solucionar o mistério da floresta de Burkitsville. O terceiro jogo da minha lista de adaptações também é de Survival Horror. Talvez meus gostos sejam um pouco direcionados...

Madagascar

  Madagascar... ou talvez não! A primeira (e única) adaptação de um desenho longa-metragem que eu joguei se revelou ser incrivelmente divertida. Admito que comecei com preconceitos e, para piorar, Madagascar, o filme, não era uma das minhas animações favoritas. Entrei no jogo às cegas, baseado apenas em uma análise rápida que eu tinha visto em um programa de TV(!). Para minha surpresa, passei ótimos momentos de descontração e risos controlando os quatro personagens principais do desenho (mais os pinguins). A história do jogo segue os passos do original, mas acrescenta uma grande quantidade de fases intermediárias que não aparecem na animação. O resultado supera o desenho e, se eu fosse vinte e cinco anos mais novo, encabeçaria fácil os meus favoritos.

The Chronicles of Riddick: Escape from Butcher Bay

Riddick Falando em favoritos, outro jogo da lista também é uma "adaptação" de filme. Na verdade, o jogo faz parte do universo expandido de Riddick e vai merecer uma resenha própria um dia destes. O astro de Hollywoow Vin Diesel é mais do que um sujeito careca e musculoso tentando construir uma carreira no cinema de ação. Ele é jogador veterano de RPG, nerd assumido e desenvolveu o personagem Richard Riddick, o último membro de uma raça dizimada, ex-militar, assassino procurado pela justiça e mercenário. Vin Diesel escreveu e atuou em dois filmes do personagem e dublou Riddick no média-metragem de animação Dark Fury e neste jogo. Um novo jogo e um novo filme estão previstos para um futuro próximo. Em Escape from Butcher Bay, o jogador assume o comando de Riddick enquanto busca uma saída para a prisão de segurança tripla-máxima de Butcher Bay. Os eventos do jogo acontecem antes do primeiro filme, mas são uma lembrança do personagem, enquanto a linha de tempo principal conduz ao segundo filme. O astro acompanhou de perto todo o desenvolvimento do jogo, para assegurar a qualidade. De fato, a ação do jogo é tão bem-construída que seus méritos acabam ultrapassando os dos filmes! É possível mergulhar melhor na personalidade, nas motivações e, principalmente, nas táticas de combate de Riddick, em uma história que pode ser considerada como o batismo de fogo do personagem.

Você pode continuar dizendo que adaptações de filmes são um erro, mas mantenha sempre os olhos abertos para as pérolas escondidas. Uma adaptação bem-realizada pode traduzir em forma de diversão interativa a experiência cinematográfica e complementá-la com novas informações que enriquecem o universo ficcional.

Se apenas mais produtoras percebessem as vantagens desta união...

Ouvindo: Man Or Astroman - Espanto Del Futuro
Seu apoio é muito importante! Ajude esse blog a crescer! Patreon

Nenhum comentário:

Retina Desgastada

Blog criado e mantido por C. Aquino | Seja um patrono!

My Playstation WallpapersXbox WallpapersPC Game Wallpapers

Tooth and Tail